17 de setembro de 2017

#PalavrasConfortam
     Resultado de imagem para pessoa enforcada tumblr

Eu ganhei esse título

        Não considero o que passei um erro de minha parte, como julgam as pessoas. Fui simplesmente uma vítima. Talvez eu mereça andar de cabeça baixa, vendo as pessoas cochicharem por todos os lugares sobre mim. Recebi vários títulos diferente por todas as ruas da cidade, títulos como o de "puta", "rodada", "vagabunda" e muitos outros que ganhei por aí. 
Será que a culpa foi minha? Naquela festa bebi um pouco. Me distrai por alguns minutos, só queria me divertir e aproveitar a noite junto com minhas amigas, eu tinha motivos para comemorar, estava feliz. 
        Era minha formatura da faculdade, o maior passo que eu poderia dar para meu futuro, mas, como dizem, toda felicidade dura pouco, e a minha terminou logo depois que peguei minha bebida que estava ali, abandonada sobe a mesa. Poucos minutos depois já não sabia onde estava e minha última lembrança, depois daquele momento, foi de ser puxada pelo braço. 
        Aconteceu entre o tempo de acordar amarrada em uma cama, em algum lugar que eu nunca havia visto. E eu gostaria de não saber, mas fui molestada por um homem — se assim pode ser chamado. Tentei escapar, mas ele tinha umas dez vezes a minha força e apontava uma arma para a minha cabeça. Tive que escolher entre ficar ali sendo abusada ou morrer, com uma bala em meu crânio. 
        Talvez eu tenha me arrependido da escolha, pois a partir daquela noite só ouço hipocrisia por todos os lugares, hipocrisia que vem de pessoas que desconhecem minha história. "Puta", "vadia", "suja ", "anda pelada e ainda diz que foi estupro"; são só alguns exemplos do que tenho que suportar.
        Cansei de ser julgada e apontada por pessoas que não sabem ao menos meu nome. Hoje decidi esquecer tudo isso. A solução está logo abaixo dos meus pés e desabafar comigo mesma antes de me despedir deste mundo foi bom. A corda em meu pescoço está pinicando, e os pés que me sustentam sobre meu balanço de infância já estão cansados de se equilibrar. O deslize dos meus dedos, até o fim do assento do balanço, me causam arrepios. A falta de ar surge. Logo em seguida, me pondo em desespero, um desespero que dura poucos segundos, enquanto flutuo no ar, dando meu último suspiro.

Autora: Gabrielly Silva

     Sente-se mal por algum motivo? Já pensou em suicídio? Não desanime, saiba que é muito importante para muitas pessoas, e, por mais que você não ache, vai fazer muita falta quando se for. Precisa de ajuda ou quer desabafar com alguém? Entre no site www e diga tudo o que está sentindo, tire esse peso de dentro de você e zele por sua vida. — Editora Morgenstern. 

Morgenstern é um projeto de uma editora on-line que tem como objetivo principal publicar trabalhos de várias pessoas, dando oportunidades às mesmas, além de fornecer uma plataforma segura para pesquisas e estudos.

0 comentários:

Postar um comentário

Olá, muito obrigada por sua presença! Deixe seu comentário.
Avise-nos se estiver seguindo o site, iremos retribuir!

Contato
MORGENSTERN
+55 (44) 9 8438-8067
+55 (44) 9 9887-8750
Paraná, Brasil