• Bem-te-vi!

    not me

    “Bem-te-vi. Bem-te-vi!”
    Assim cantava o pássaro
    Com toda a sua força,
    De certo, feliz
    Celebrando o raiar de mais um dia
    Ao ouvir o pássaro,
    Um sorriso rompeu meu rosto
    Porque, no fundo, eu sabia
    Que aquele pássaro me dizia
    Que comigo tu estavas

    “Bem-te-vi. Bem-te-vi!”
    Assim cantava o pássaro
    Enquanto meu coração
    De saudade se enchia.
    O pássaro dizia ‘bem te vi’
    Queria eu dizer ‘bom te ver’
    Mas, de fato, bem te vi,
    Ou, bem te via,
    Enquanto eu podia.

    “Bem-te-vi. Bem-te-vi!”
    Assim cantava o pássaro
    Cada vez mais distante de mim,
    Porque assim como a vida,
    Eu preciso seguir.
    E embora tente te deixar,
    O seu canto
    Ainda em minha mente ressoa.

     Michelly Pellá

  • 2 comentários:

    Olá, muito obrigada por sua presença! Deixe seu comentário.
    Avise-nos se estiver seguindo o site, iremos retribuir!

    PUBLIQUE SEU TRABALHO!

    Faça parte da Morgenstern! Envie-nos o seu trabalho, é totalmente gratuito!

    ENDEREÇO

    Paraná, Brasil

    E-MAIL

    editoramorgenstern@gmail.com

    CELULAR

    +55 (44) 9 8438-8067
    +55 (44) 9 9887-8750